Armas da 2º Guerra Mundial – Pistola M1900 ( Modelo Browning 1900) – República da China

rp_13155002447696.jpg

Embora a 1911 fosse descendente do modelo Colt 1900, essa arma era uma cópia da FN 1900. O sistema simples de blowback (função que dispensa o travamento da culatra da pistola) de cartuchos .32ACP representou uma revolução na fabricação de pequenas armas por toda a Europa. Sendo a primeira pistola militar operada por ferrolho, ela estabeleceu um padrão para pistolas pequenas e de calibres curtos que foram utilizadas durante toda a Segunda Guerra.

No início da década de 20, o arsenal chinês começou a copiar essa icônica pistola e vendê-la para soldados e senhores da guerra locais. Uma espécie de indústria artesanal começou a surgir a partir do modelo, sendo que a qualidade das cópias variava de boa até absolutamente sofrível.

Ainda que a armas chinesas derivadas da 1900 pudessem ser encontradas em diversas formas e tamanhos (muitas delas misturadas com as características da C96), o exemplo mais comum é a da foto acima.

A maioria dos clones caseiros utilizava a mesma numeração: 126063. Marcações britânicas e belgas eram utilizadas para transmitir um senso de qualidade para os analfabetos ou os clientes não falantes de inglês. Infelizmente, nem mesmo os produtores podiam ler a numeração, uma vez que elas costumavam ser feitas de cabeça para baixo ou até mesmo misturadas.

Embora não fossem muito confiáveis, essas pistolas serviram nos anos de guerra, na nacionalização em massa, na Segunda guerra Mundial e na Guerra Civil Chinesa. Entretanto, é bom lembrar que elas também eram cheias de defeitos e feitas com metal inferior. Logo, não é muito recomendável atirar com uma delas.

Comentários do Facebook